Publicado por: Laura Conchacha | 06/01/2010

O que ai vem!

Bom! Comecar por onde? Talvez pela parte mais simples e que no fundo e muito importante para mim! Nao poderia deixar de o fazer publicamente, porque a minha maneira de ser e estar assim o exige. Entao, terei de dizer que, tudo isto esta a ser muito interessante, nao so porque me da um prazer enorme ir relatando o que me vai no coracao, mas principalmente pela forca que tenho recebido de muitos amigos, nao so atraves dos vossos comentarios, como pela divulgacao do link nos vossos Blogs e tambem pelos muitos e-mails que vou recebendo! A todos vos um muito obrigado!

Agora, e ate porque a contagem decrescente ja comecou, vou falar desta altura do ano que estamos a viver! Para outros povos com outras culturas, e apenas e so o periodo apos epoca Natalicia, em que uns pensam no dinheiro que gastaram para dar as melhores prendas, outros no que ira ser o ano que agora comeca, outros pela maior decisao do ano que acabaram de tomar e sabem qual e? Entrar para um ginasio e fazer ginastica ate sair os “bofes pela boca”, isto porque para eles e o ano da mudanca, o ano de perder muitos quilos!
Mas para Nos, e a altura de comecar a loucura, comecar a ouvir as marchas no programa do Tonho Lopes, as reunioes dos grupos para decidirem o que vao fazer, as correrias para as costureiras para se adiantarem com os fatos, mas isso pouco importa porque Terca-feira de Carnaval sempre ira haver o mesmo rebolico, os fatos que nao se acabaram e de quem ate acaba por nao ir no desfile! Mas no fundo no fundo ate se torna engracado, porque o Carnaval para nos sem esses acontecimentos nem tinha graca! E depois do que iriamos falar se nao tivermos assunto de conversa? E como se fazem as “deixas” para a Quarta-feira de Cinzas? Digam la o que dizerem, tudo o que antecede o Carnaval e o que nos vamos vivendo ate o grande dia chegar, ja faz parte do Carnaval! Porque, e ate por isso mesmo se torna diferente e muito nosso!
Eu vou vivendo tudo isto um pouco a distancia, mas nao e por isso que deixo de estar feliz, ate porque mais dia menos dia chega o grande momento! O dia da viagem! Mas ate la, sempre vou sabendo como tudo se esta a desenrolar, ate nem custa muito, e so mesmo um simples telefonema e logo fico a par de tudo! Confesso no entanto, que sei bem o que custa nao estar por ai nesses dias! Ja passei alguns anos que nao tive opurtunidade de ir, e posso confessar aqui, o quanto sofri e o quanto chorei, saber que o meu “Grupo”, as minhas amigas naquela altura estavam a divertir-se e eu aqui na tristeza, entao foram muitos telefonemas era a ver quem atendia o telefone, para saber tudo ao pormenor! Tristeza? Sim tristeza, porque por aqui em Terras do Tio Sam nao se goza o Carnaval, muita gente nem sabe o que isso e, e a muitos nem vale a pena explicar porque eles nao entendem, o que nao e de admirar, pois nao lhes corre nas veias! E ate secalhar ainda nos acham alguns “tontos” andar quatro dias num rebolico entre balhes e desfiles!
Penso no entanto, que na terra que vivo actualmente, se faca em alguns Clubes/Restaurantes um bom Carnaval, apesar de nunca ter visto porque tenho tido o prazer de antes estar no “Nosso”, porque Brasileiros por aqui sao mais que as “maes”! Entao torna-se muito engracado esta mistura de culturas e como o povo como e o Brasileiro se vai habituando a esta maneira de ser e estar, que e a vida Americana. Mas na verdade eles nem mudam muito, vivem a maneira deles so que na America! Pois estou certa, que mesmo que nesses dias caia muita neve, as brasileiras irao dancar o seu samba vestidas a rigor, que neste caso e com muito pouca roupa!
Outra coisa que eu acho muito engracada no nosso carnaval e as rivalidades “saudaveis” que existe entre os grupos, tudo e segredo, tudo e muito bem escondido, para nao se verem os fatos uns dos outros, todos querem ser os melhores! Ou com o melhor fato, ou com a melhor marcha e por ai fora! Mas no fundo e a maior confraternizacao que se faz na Nazare, assim eu penso!
Bom, por agora ja temos mote e bem Nazareno claro, tambem ja nao deve faltar muito para a divulgacao da Marcha Geral, 100% Nazarena e estou certa que em breve os Reis de Carnaval serao anunciados, figuras Nazarenas e claro, porque o que e nosso e que e bom! E se vai ser bom? Claro que vai, nem ha duvidas! E feito por nos e para nos!
Se nos podiamos passar sem o Carnaval? Poder ate podiamos, mas nao era a mesma coisa!

Anúncios

Responses

  1. A alma da Nazaré espalhada pelo mundo 🙂
    Esta nossa terra tem sentimentos e vivências que o mundo desconhece e dificilmente a sociologia consegue explicar. Principalmente no Carnaval !
    Nós não aproveitamos o feriado do Carnaval.
    Nós Fazemos o Nosso Carnaval!
    E fazêmo-lo de alto a baixo. Tal como o vivemos.
    Aqui, nesta terra que nas noites de todo o ano parece um presépio de Dezembro ao passar as Pontes da Barca com luzes acesas abaixo e a cima do promontório, dá-se largas á imaginação e esquece-se as tormentas num Carnaval em que tudo é “concebido e parido” por nós e feito para nós mesmos.
    Digam-me qual a terra que goza o Carnaval com as suas próprias musicas. É que a gente nem tem disso!
    Quais musicas de carnaval!
    Quais Reis do pobre jet sete nacional ou brasileiro!
    Temos Reis Nossos!
    Temos marchas!
    Temos autores de letras, cantores, inventores de brincadeiras, artistas de cegadas, designer’s de fatos, mestres de construção na Bonarte e qualquer quintal disponivel, temos “fates á troncage”, salas de balhe á cunha, ruas apinhadas de gente aos abraços onde parece que é noite de Ano Novo.
    E como é que um sociologo entenderia isto?
    Ná…venham os sociólogos no verão fazer os passeios aos golfinhos e proteger a brancura da pele nas barracas no Verão, correr na Meia Maratona em Novembro, estudar as idades aderentes á Passagem de Ano na Nazaré, mas não queiram encontrar explicação para a explicação do que é o Nosso Carnaval!

    Bem haja para ti 🙂


Categorias

%d bloggers like this: